Suape apresenta Programa Suape nas Escolas para professores da rede municipal de Sirinhaém

O Complexo Industrial Portuário de Suape, por meio da Diretoria de Relações Institucionais, recebeu, na manhã desta segunda-feira (14), professores da rede municipal de ensino de Sirinhaém. Os educadores foram convidados pela gestão da empresa para conhecer de perto a estrutura de Suape e, principalmente, serem apresentados ao Programa Suape nas Escolas. O projeto, que será iniciado nas escolas de Sirinhaém na próxima quinta-feira (17), tem como objetivo aproximar os alunos da realidade de Suape e apresentar a importância do Complexo para o desenvolvimento econômico de Pernambuco. A apresentação do Complexo e os detalhes do programa foram apresentados pelos colaboradores Rayssa Acioli e Clovis Farias.

O programa integra ações do planejamento estratégico da empresa e é direcionado aos alunos do 9º ano do ensino fundamental das unidades de ensino dos municípios localizados no território estratégico do Complexo Industrial Portuário. O programa será apresentado em quatro escolas da rede municipal de Sirinhaém, atendendo a 15 turmas, contemplando um universo de 300 alunos.

As escolas escolhidas foram previamente selecionadas pelo grupo gestor da Secretaria de Educação de Sirinhaém. Adriana Rodrigues da Silva, coordenadora municipal do ensino fundamental II, comentou sobre a importância da ação e como isso irá refletir bem na educação dos jovens. “Acredito que o programa demonstra em atos que Suape não está deixando pra trás as comunidades e, ao invés disso, está estimulando a especialização dos jovens. Essa primeira aproximação foi muito bem aceita e os professores se sentiram muito valorizados pois foram apresentados ao Complexo antes dos alunos, o que facilita muito o nosso trabalho em sala de aula”, ressaltou.

O encontro com os alunos terá duração de 45 minutos. A ação será realizada por meio de palestras interativas lideradas por arte-educadores que farão o uso de fantoches, apresentando os principais potenciais do Complexo de Suape de forma lúdica. Caberá a cada escola ceder o espaço físico, dispor os recursos materiais para o espaço como cadeiras e mesas, selecionar as turmas, aprovar o cronograma de execução, mobilizar os alunos e acompanhar as atividades.

No encontro, os estudantes também receberão uma cartilha esclarecendo dúvidas básicas do grande público sobre o Complexo como, por exemplo, quantos anos Suape tem de existência, a história do complexo, as principais mercadorias transportadas, os polos de desenvolvimento, além de outras curiosidades como detalhes da estrutura dos navios e um caça-palavras com referências ao setor portuário.

A Diretora de Relações Institucionais, Rizelma Ferreira, quer retomar com este projeto o sentimento de pertencimento dos jovens ao território de Suape. “O aluno que está saindo do 9º ano para ingressar no ensino médio, normalmente, tem a opção de cursar em paralelo um curso técnico. Acreditamos que esse público é estratégico. Esses meninos e meninas conhecerão Suape, saberão em qual área podem se encaixar e, principalmente, os indecisos podem se identificar com uma área específica e investir nisso para sua formação. Defendo que esses alunos que passam a conhecer as oportunidades por meio da enorme gama de empresas instaladas, adquirem outra visão do mercado de trabalho”, comentou.

com informações de http://www.suape.pe.gov.br/
Foto: Jéssica Lima/Suape

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *