fbpx

Brasil de Tuhu retorna a Ipojuca para apresentação do Concerto Didático e realização da Vivência Musical

Com a missão de fortalecer e ampliar a educação musical no país, o programa Brasil de Tuhu leva atividades gratuitas a alunos e educadores.
Composto por 11 diferentes ações, o programa acontece desde 2009, tendo beneficiado mais de 40 mil alunos e professores, de 248 escolas públicas em 41 municípios de 13 estados do país.
A música transforma. Traz suavidade para o dia-a-dia, estimula a criatividade e as percepções, proporciona conhecimento, resgata emoções, incentiva trocas, cria laços, acessa áreas remotas do cérebro, remete a outros tempos e culturas…
Dando continuidade às suas ações, o programa de educação musical Brasil de Tuhu iniciou em agosto a circulação nacional 2019, com o patrocínio da Wilson Sons e do Governo Federal, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura do Ministério da Cidadania. A próxima parada será em Ipojuca (PE), já tendo passado por Belém (PA) e Salvador (BA) e seguida por Niterói (RJ), Rio de Janeiro (RJ) e Guarujá (SP).
Em Ipojuca, a programação conta com concertos didáticos conduzidos pelo Quarteto Brasil de Tuhu (Carla Rincón, no primeiro violino, Fabio dos Santos, no segundo violino, Jade Guilhon, na viola, e William Ambe, no violoncelo) em escolas públicas municipais e no Auditório da Escola Municipal Santo Cristo, em apresentação única e aberta ao público, e com a Vivência Musical, ciclo de capacitação para educadores interessados em musicalização infantil.
Com roteiro costurado pelo compositor, arranjador e autor teatral Tim Rescala, o concerto é realizado por um quarteto de cordas criado especialmente para a turnê (formado por jovens músicos e capitaneado por Carla Rincón – do premiado Quarteto Radamés Gnattali) e ganha ainda mais interatividade com a participação da atriz e cantora Maria Ceiça e do boneco Tuhu, que de forma lúdica e divertida ensinam noções básicas de ritmo, melodia e harmonia, convidando a todos a aprenderem brincando.
O pano de fundo é a história do grande maestro Villa-Lobos e no repertório estão cantigas populares compiladas por ele em seu Guia Prático, como “Fui no Itororó” e “Saltando como um saci”. Assistido por mais de 40 mil crianças em 13 estados brasileiros, o concerto tem como objetivo desmistificar o universo da música clássica para as crianças, ao mesmo tempo em que as sensibiliza para a importância da educação musical. “A música de Heitor Villa-Lobos é uma referência para nós, músicos brasileiros. Não só pela sua riqueza, beleza e força expressiva, mas também pela sua inerente e natural brasilidade. Nada melhor do que a música de Villa para iniciar as crianças na música de concerto. Neste espetáculo, leve e lúdico por natureza, felizmente conseguimos isso, aliando música e teatro.” conta Tim.
Após os Concertos Didáticos, os alunos receberão o gibi ‘O Brasil de Tuhu’, com a história de um jovem musicista e jogos de musicalização. Além disso, todas as escolas participantes receberão um kit com materiais especialmente pensados para auxiliar os professores em atividades de educação musical em sala de aula.
“O nosso objetivo é ampliar o acesso à educação musical no país e aproximar as crianças do universo da música brasileira de concerto”, explica Paula Sued, sócia e diretora de produção da Baluarte Cultura, empresa realizadora do Brasil de Tuhu.
Capacitação gratuita para professores e educadores
Numa combinação de jogos, performances e diferentes recursos didáticos que podem ser
aplicados em diversos tipos de aula ou atividades, a Vivência Musical do Brasil de Tuhu é um ciclo
de capacitação gratuito destinado a professores, facilitadores, oficineiros e outros educadores
interessados em conteúdos e metodologias de musicalização.
A oficina em Ipojuca será coordenada por Carla Rincón, premiada violinista, fundadora do
Quarteto Radamés Gnattali, iniciada no El Sistema da Venezuela e com singular experiência
em ensino coletivo e inclusão social através da música, além de diretora pedagógica do Brasil
de Tuhu e do Instituto Zeca Pagodinho, e Bruno Jardim, licenciado em música pela UniRio,
regente da Orquestra Jovem Paquetá e professor nos projetos de formação em música Bem
Me Quer Paquetá e Instituto Zeca Pagodinho.
Mais de 650 educadores já participaram das vivências – que este ano estarão ainda mais
diversificadas, utilizando e integrando as ferramentas e conteúdos criados ao longo dos
onze anos do programa Brasil de Tuhu. Todas as atividades desenvolvidas durante a oficina
têm como objetivo desenvolver habilidades e consciência sobre: educação espaço-temporal,
desenvolvimento do ritmo, estímulo à criatividade por meio da improvisação musical, do
ouvido musical e da voz.
“Foi maravilhoso participar da Vivência Musical. Estou amando utilizar o que aprendi com
minha turma do infantil V. Trabalhamos os contos utilizando fantoches e a criatividade das
crianças no desenvolvimento final das histórias. Na turma do 4° ano, com garrafas, gravetos
de bambu, copos e tampas, produzimos sons diversos.”, conta Glaucevane Silva Galvão,
participante da Vivência Musical de 2018.
As turmas terão 40 vagas e os encontros serão realizados nos dias 24 e 25 de setembro na
Escola Municipal Santo Cristo. As inscrições para o processo seletivo deverão ser feitas pelo
site do programa: www.brasildetuhu.com.br entre os dias 28 de agosto e 16 de setembro.
O Brasil de Tuhu é uma realização da Baluarte Cultura em parceria com Carla Rincón e é
mantido pela Wilson Sons e pelo Governo Federal, através da Lei Federal de Incentivo à
Cultura do Ministério da Cidadania.
Serviços
Concerto Didático nas escolas
Local: Escola Municipal Integral Governador Eduardo Campos
Data: 26 de setembro de 2019
Horários: 10h e 14h
Local: Escola Municipal Maria da Dores Cavalcante Albuquerque
Data: 27 de setembro de 2019
Horários: 10h e 14h
Concerto Didático aberto ao público
Local: Auditório da Escola Municipal Santo Cristo
Data: 28 de setembro de 2019
Horários: 16h
Entrada gratuita
Vivência Musical
Inscrições em: www.brasildetuhu.com
Período de inscrição: de 28 de agosto à 16 de setembro
Local: Escola Municipal Santo Cristo
Data: 24 e 25 de setembro
Horário: 10h às 18h

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *